EnglishFrenchPortugueseSpanish

Exposição mostra o impacto dos resíduos sólidos nos rios da Amazônia

Exposição mostra o impacto dos resíduos sólidos nos rios da Amazônia
setembro 4, 2022 FAS

Exposição mostra o impacto dos resíduos sólidos nos rios da Amazônia

04/09/2022
Exposição intitulada “Plástico Zero nos Igarapés de Manaus”, elaborada pela Fundação Amazônia Sustentável (FAS), em parceria com a Coca-Cola Brasil.

Imagens impactantes sobre os efeitos do descarte incorreto de resíduos sólidos nos rios da Amazônia fazem parte da exposição “Plástico Zero nos Igarapés de Manaus”, que ocorrerá até 11 de setembro, com entrada gratuita, no Shopping Manaus ViaNorte, situado no bairro Monte das Oliveiras, zona norte da cidade. A iniciativa no centro de compras é resultado de uma parceria entre a Fundação Amazônia Sustentável (FAS) e a Coca-Cola Brasil em alusão ao Dia da Amazônia, comemorado nesta segunda-feira, dia 5 de setembro.  

O estande também divulga resultados do projeto, que retirou 7,5 toneladas de lixo da foz do Igarapé do Gigante, em Manaus.  Além da exposição, a FAS promoverá eventos culturais, ações de engajamento e lançamento de produtos multimídia voltados para a valorização da floresta amazônica e de suas populações em vários pontos de Manaus, e também em outras capitais do Brasil.  

O projeto ‘Plástico Zero nos Igarapés de Manaus’ tem o objetivo de reduzir a poluição por resíduos plásticos nos cursos d’água da capital amazonense. Para a supervisora da coordenadoria de Cidades Sustentáveis, do Programa de Soluções Inovadoras da FAS, Cristine Rescarolli, a exposição é uma das ferramentas para levar conscientização à população sobre o impacto do lixo nos cursos d’água da região, além de apresentar os resultados do que ja foi alcançado.   

“É muito importante levar os resultados de um projeto tão grandioso para o conhecimento de todos os públicos. Estar em espaços como o Shopping Manaus ViaNorte e comunicar ao público que frequenta o local é gratificante. A exposição demonstra os dados resultantes do projeto ‘Plástico Zero’ que em um ano coletou mais de oito toneladas de resíduos, impactando mais de oito mil pessoas, entregando seis Pontos de Entrega Voluntária (PEV) em diferentes bairros da cidade de Manaus”, informa Cristine.   

De acordo com o diretor de Relações Governamentais da Coca-Cola Brasil, Victor Bicca, projetos como esses são essenciais para a sensibilização social e integram uma frente ainda maior da Coca-Cola Brasil por um mundo sem resíduos.   

“Nosso histórico de atuação no Amazonas contempla projetos reconhecidos e parcerias que impactam, e promovem o desenvolvimento da região, entre eles, ações de retirada de plástico dos igarapés. São esforços que vão desde projetos de apoio às cooperativas de catadores até programas de grande escala, que promovem a economia circular”, destaca.   

Outros resultados alcançados pelo projeto ‘Plástico Zero’ incluem a publicação da cartilha ‘Coleta seletiva: vamos salvar o planeta?’, que traz propostas de ensino que visam a conservação do meio ambiente e atividades que podem ser aplicadas em escolas, além de  uma série de vídeos com animações sobre a gestão de resíduos sólidos em Manaus

O projeto também deu origem à iniciativa Manaus Circular, resultado do mapeamento das soluções inovadoras para gestão de resíduos com a proposta de instalar um Sistema Integrado para Coleta e Transformação de Plástico, com Pontos de Entrega Voluntária (PEVs) e a destinação do plástico coletado como matéria-prima para geração de renda

Sobre a Coca-Cola Brasil  

O Sistema Coca-Cola Brasil atua em cinco grupos de bebidas — colas, sabores, hidratação, nutrição e emergentes — com uma linha de mais de 200 produtos, entre sabores regulares e versões sem açúcar ou de baixa caloria. Composto por sete grupos de fabricantes franqueados, o Instituto Coca-Cola Brasil, mais Verde Campo e a parceria com Leão Alimentos e Bebidas, o Sistema emprega diretamente 56,6 mil funcionários. A empresa aposta em inovação para ampliar seu portfólio e atingir o objetivo de destinar corretamente o equivalente a 100% de suas embalagens até 2030. A Coca-Cola Brasil trabalha para oferecer cada vez mais opções com menos açúcar adicionado e no incentivo a iniciativas que melhorem o desenvolvimento econômico e social das comunidades onde atua.   

Sobre a FAS    

Fundada em 2008 e com sede em Manaus/AM, a Fundação Amazônia Sustentável (FAS) é uma organização da sociedade civil e sem fins lucrativos que dissemina e implementa conhecimentos sobre desenvolvimento sustentável, contribuindo para a conservação da Amazônia. A instituição atua com projetos voltados para educação, empreendedorismo, turismo sustentável, inovação, saúde e outras áreas prioritárias. Por meio da valorização da floresta em pé e de sua sociobiodiversidade, a FAS desenvolve trabalhos que promovem a melhoria da qualidade de vida de comunidades ribeirinhas, indígenas e periféricas da Amazônia.  

 

Créditos da imagem: Grazi Praia