Primeira feira do ano terá pirarucu manejado da Reserva de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá : FAS Amazônia
03/03/2020
Destaques | Notícias

Primeira feira do ano terá pirarucu manejado da Reserva de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá


Primeira feira do ano terá pirarucu manejado da Reserva de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá

A primeira edição da Feira do Pirarucu da Fundação Amazonas Sustentável (FAS) de 2020 acontece nesta sexta-feira, dia 06 de março. A comercialização é uma iniciativa da Associação dos Moradores e Usuários da RDS Mamirauá Antônio Martins (Amurman), que tem assessoria técnica do Instituto de Desenvolvimento Sustentável de Fonte Boa (IDS-Fonte Boa). . Serão disponibilizados para venda direta ao consumidor duas toneladas de pirarucu fresco e 400 quilos de pirarucu seco manejado na Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) Mamirauá, a 678 km da capital.

Os preços dos peixes frescos variam conforme a peça. O filé será vendido ao preço de R$ 22 o quilo, a manta por R$ 17 o quilo, a ventrecha R$ 12 o quilo e a carcaça R$ 3,50 o quilo. O preço do pirarucu seco salgado é R$ 24,00 o quilo. Os pagamentos poderão ser feitos em dinheiro, no cartão de crédito ou de débito.

Segundo o gerente do Programa Floresta em Pé (PFP), Edvaldo Corrêa, a Feira do Pirarucu contribuiu para o fortalecimento da cadeia produtiva do pirarucu de manejo, sua conservação e com a geração de renda para os pescadores e suas famílias.

“Ao consumir um peixe manejado ofertado diretamente ao consumidor, sem a intermediação de atravessadores, esse consumo fortalece o manejo legal do pirarucu no Estado. Além disso, valoriza o trabalho dos pescadores que saem de suas comunidades até Manaus. Como resultado temos o aumento na geração de renda, tão importante para o sustento desses pescadores e suas famílias”, explicou Edvaldo.

O Floresta em Pé é o programa da FAS que, por meio de recursos do Fundo Amazônia/BNDES, incentiva o manejo do pirarucu e de outras cadeias produtivas em Unidades de Conservação (UC) do estado, como a RDS Mamirauá. Por meio do programa, que funciona como uma política pública de pagamentos por serviços ambientais, os pescadores recebem incentivo à gestão sustentável de recursos naturais, o que gera renda às famílias e empodera as comunidades.

A feira do Pirarucu da FAS estará aberta ao público a partir das 07h30, na sede da Fundação Amazonas Sustentável (FAS), na rua Álvaro Braga, 351, Parque 10 de Novembro, Manaus (AM).