REDD + é consenso em reunião na COP 15 : FAS Amazônia
11/12/2009
Outros

REDD + é consenso em reunião na COP 15


Por Thais Megid Pinto (Copenhague) e Monick Maciel (Manaus)

A reunião do Subsidiary Body for Scientific and Technological Advice – SBSTA (Corpo Auxiliar para Conselho Científico e Tecnológico, em português), realizada hoje (dia 11), em Copenhague, resultou num consenso em relação ao escopo do REDD + dentro das negociações de mudanças do clima. A reunião contou com a presença de um grupo de negociadores focados na formulação de políticas para a Convenção do Clima da ONU e nas questões científicas do IPCC (Painel Intergovernamental sobre Mudança do Clima).

A equipe da Fundação Amazonas Sustentável (FAS), que participou ativamente das discussões, assim como os demais presentes à reunião, consideraram a aprovação um grande avanço para a questão da conservação florestal dentro da UNFCCC (Convenção Quadro das Nações Unidades sobre Mudança do Clima, em português). Espera-se que esta etapa influencie outros passos durante a próxima semana de negociações.

COP 15

Reunião da SBSTA, em Copenhague

Atualmente, existem três modalidades do REDD discutidas no âmbito da UNFCCC: o RED (Redução de Emissões provenientes do Desmatamento), o REDD (Redução de Emissões provenientes do Desmatamento e da Degradação forestal), e o REDD+ (Redução de Emissões provenientes do Desmatamento e da Degradação Florestal mais Conservação Florestal, Manejo Florestal Sustentável e Manutenção de Estoques Florestais).

A equipe da FAS em Copenhague é composta pelo Diretor Geral, Virgílio Viana, o Diretor Técnico-científico, João Tezza Neto, o coordenador de Projetos Especiais, Gabriel Ribenboim, o coordenador de Relações Internacionais, Belisário Arce, a coordenadora institucional do Projeto Juma, Raquel Luna, e a Analista Técnica de Projetos Especiais, Thais Megid Pinto. O presidente do Conselho de Administração da FAS, Luiz Fernando Furlan, chegará à Copenhague na próxima semana, quando participará dos eventos realizados pela FAS.

Na COP 15, a FAS está realizando em parceria com o Governo do Amazonas três eventos paralelos, onde serão apresentados os resultados do projeto Juma e do Programa Bolsa Floresta, além da iniciativa para desmatamento zero entre Brasil e Moçambique.