COP 16: Fundação Amazonas Sustentável debate incentivo e regulamentação de projetos de REDD : FAS Amazônia
29/11/2010
Outros

COP 16: Fundação Amazonas Sustentável debate incentivo e regulamentação de projetos de REDD


A Fundação Amazonas Sustentável (FAS) pretende promover o debate sobre a regulamentação e incentivos de financiamento às iniciativas de redução de emissão de carbono por desmatamento e degradação, durante a Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (COP16), em Cancún, no México, entre 29 de novembro e 10 dezembro.

 

“Nossa expectativa é que, com o evento, possamos obter novas diretrizes para a regulamentação dos projetos de REDD+ (redução de emissões por desmatamento e degradação, aliado a ações de conservação e manejo florestal) em todo o mundo, para que sejam incorporados, formalmente e de maneira definitiva, como um dos instrumentos estratégicos no conjunto das definições da convenção das Nações Unidas”, afirma Virgílio Viana, superintendente-geral da FAS.

 

Viana, também Conselheiro Sênior do Fórum Econômico Mundial (WEF, sigla em inglês) para o tema Desenvolvimento Institucional e Mudanças Climáticas, estará na COP16 ao lado de representantes de 190 países, que, juntos, participam dos debates, reflexões e negociações para um novo acordo global para o clima.

 

Espera-se que o documento final da COP possa determinar metas, medidas e ações ambiciosas com vistas à expressiva e necessária redução das emissões de carbono na atmosfera, para evitar o aumento significativo e perigoso da temperatura do planeta. 

Em 2009, o encontro foi realizado em Copenhague e obteve avanços nas discussões relacionadas ao mecanismo de REDD. A partir dos debates realizados, o Projeto de REDD da Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) do Juma, implementado pela FAS no município de Novo Aripuanã, no Amazonas, acaba de ser escolhido pela instituição internacional Eco-Index, da Rainforest Alliance, como o melhor na categoria monitoramento e metodologia de avaliação (Best Monitoring and Evaluation Methodology).

 

Participação ativa em debates

A participação na série de debates envolvendo temáticas, entre as quais redução de emissão de carbono por desmatamento e degradação, desenvolvimento sustentável e economia verde, marca a presença da Fundação Amazonas Sustentável na COP 16.

 

Liderada por seu superintendente-geral, Virgílio Viana, a FAS participará do Dia da Floresta, realizado em 5 de dezembro, quando serão apresentados resultados dos debates prévios sobre o tema e realizados paralelamente a Conferência.

 

Já no dia 6, a FAS é uma das entidades convidadas pelo Forum Econômico Mundial para encontro que visa a incentivar o debate sobre economia verde. Ainda no mesmo dia, representantes da entidade participam de discussão sobre o papel do setor privado na preservação ambiental.

A presença em uma série de mesas redondas, a serem realizadas no dia 7, integra a participação da FAS na agenda e no ciclo de palestras e debates. No dia 8, evento promovido pelo Avoided Deforestation Partners com o objetivo de tratar a questão da preservação das florestas em todo o mundo, encerra a atuação da entidade na agenda de eventos paralelos promovidos por organizações de diferentes países e que constam da agenda oficial da COP16.