pt Português
pt Português
pt Português

Programa Saúde na Floresta

O contexto da pandemia de covid-19 foi determinante para a elaboração de ações direcionadas à saúde na região amazônica. A partir daí, articulações como as da “Aliança Covid-Amazonas” abriram caminhos para a disseminação e o fortalecimento de práticas realizadas pela FAS, especialmente voltadas para a atenção primária, como é o caso do Programa Saúde na Floresta (PSF).

Cuidar da saúde das pessoas que cuidam da Amazônia é um dos maiores objetivos do PSF, de forma a atender às necessidades regionais e aprimorar as políticas públicas de saúde em populações tradicionais e povos indígenas do Amazonas. As estratégias do programa levam em conta procedimentos de segurança, higiene e qualificação do acesso aos serviços essenciais de saúde, com foco na melhoria do bem-estar das pessoas, principalmente aquelas localizadas em áreas remotas.

PSF em números (2021)

   48

     pontos de telessaúde

 

 

   654

     profissionais formados

   46

     municípios beneficiados

 

 

   819

     consultas on-line

Missão

“Apoiar a promoção do atendimento de atenção básica de saúde e a formação de profissionais de saúde em áreas protegidas na Amazônia”.

ÁREAS DE ATUAÇÃO

Telessaúde

A proposta da formação de educação em saúde no âmbito do projeto de Telessaúde na Floresta é direcionada aos agentes comunitários e outros profissionais que compõem a rede de atenção que atua diretamente nas comunidades ribeirinhas, sejam eles residentes do entorno ou das próprias Unidades de Conservação (UCs) do Estado do Amazonas. Saiba mais aqui.

 

Pesquisa em Saúde

Colabora com estudos técnicos-científicos que auxiliem na proposição de melhorias em políticas públicas e no atendimento da atenção básica à saúde.

Educação em Saúde

Realiza a qualificação dos profissionais de saúde (ACS, AIS, Parteiras, gestores) e outros públicos envolvidos no processo da promoção, prevenção e tratamento à saúde.

 

 

Políticas Públicas

Subsidia a melhoria nas políticas públicas em saúde para as populações ribeirinhas.