Teatro Amazonas é palco da abertura da 2ª Virada Sustentável Manaus : FAS Amazônia
05/07/2016
Outros

Teatro Amazonas é palco da abertura da 2ª Virada Sustentável Manaus


O Teatro Amazonas será palco da noite de abertura da 2ª Virada Sustentável Manaus, quinta-feira, dia 7 de julho, às 20h, com apresentação gratuita da Amazonas Jazz Band. Considerado o maior festival do Brasil em prol da sustentabilidade, o evento é uma realização da Fundação Amazonas Sustentável (FAS), em parceria com a Virada Sustentável de São Paulo, e produção da Iaí Promoções. 
Além do aumento na quantidade de atividades, a principal novidade desta edição, que acontece durante todo o final de semana – sábado e domingo, dias 9 e 10 de julho – é a distribuição da programação em sete circuitos temáticos: musical, criativo, colaborativo, zen, criança, debate e saUde.  Ao todo, serão mais de 200 atividades, todas gratuitas. 
Os principais locais da Virada neste ano serão: Parque Municipal do Mindu; Parque dos Bilhares; Ginásio do “Zezão”; Bosque da Ciência (INPA); Parque Jefferson Péres; Fundação Amazonas Sustentável (FAS); Largo São Sebastião; Musa Reserva Ducke; Musa do Largo; Parque e Shopping SumaUma; Sest/Senat; Biblioteca PUblica do Estado do Amazonas, Galeria do Largo, Bairro da Redenção e Lago do Tarumã.
Conforme esclarece a coordenadora da Virada Sustentável Manaus, Paula Gabriel, o evento foi organizado coletivamente pelo Conselho Criativo, formado por cerca de 30 instituições locais. Bastante diversificada, a programação será realizada em 22 locais, situados em todas as regiões da cidade.
“Estamos extremamente felizes, pois conseguimos atingir todas as zonas de Manaus, com uma programação repleta de atividades voltadas para o meio ambiente, cultura, cidadania, mobilidade urbana, entre outros temas. Chegou a hora de virar Manaus e seguirmos em busca, juntos, da cidade que queremos construir”, declara Paula.  
As atividades serão concentradas ao longo do final de semana. Antes, porém, na sexta-feira, dia 8 de julho, haverá um debate do Movimento Ficha Verde sobre “Qual a Manaus dos Nossos Sonhos”, no Musa Do Largo, às 19h. Outra novidade deste ano é o mutirão de limpeza com remadores de Stand Up Paddle coordenado pelo SUP Amazonas e Abaré SUP and Food. Os voluntários vão limpar o Lago do Tarumã. A equipe sairá da Marina do David no sábado, dia 9 de julho, às 8h, com previsão de retorno às 11h.  
Sobre os circuitos:
Musical – Apresentações musicais e shows
Criativo – Oficinas de criação e exposições educativas
Colaborativo â?? Trocas de objetos e doações
Criança – Variadas atividades para as crianças
Debate – Rodadas de conversa e debates sobre temas como meio ambiente, empreendedorismo, inclusão social
SaUde – Ações de saUde e esporte para a população (incluindo atividades esportivas, como mutirão de limpeza com remadores de Stand Up Paddle na região do Tarumã
Zen â?? Práticas de meditação e Yoga
Histórico da Virada Sustentável 
A Virada Sustentável começou na capital paulista e já realizou outros festivais em Manaus, Valinhos (SP) e Porto Alegre (RS). O evento envolve articulação e participação direta de organizações da sociedade civil, órgãos pUblicos, coletivos de cultura, movimentos sociais, equipamentos culturais, empresas, escolas e universidades, dentre outros. O objetivo é apresentar uma visão positiva e inspiradora sobre a sustentabilidade e seus diferentes temas para a população. A concepção da Virada é baseada nos 17 Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS), definidos pela ONU, que são também os princípios que regem os projetos realizados pelo grupo. A Virada Sustentável Manaus é uma realização da Fundação Amazonas Sustentável (FAS) em parceria com a Virada Sustentável de São Paulo, com produção da Iaí Produções. 
Participam do Conselho Criativo: 
Atelier Arte Mandala Tepui; Banksia Films; Bosque da Ciência, CasaCinco; Descarte Correto; Escoteiros do Brasil; Fotoclube Lentes da Amazônia; Fundação Vitória Amazônica (FVA); Global Shapers Manaus; Idesam; Impact Hub; Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa); Instituto Amazônia+; Instituto SumaUma; JACC Produções; Knesys; Movimento Ficha Verde; Museu na Floresta; Museu da Amazônia (Musa); Na Tora Produções; Pedala Manaus; Projeto Socioambiental Meu Ambiente; RP Manaus; SaUde Solidária; SDSN-Amazônia, SDSN-Youth; Suçuarana; TransformAÃ?Ã?O e Yoga Manaus. 
A iniciativa também conta com apoio do Bradesco, Whirlpool, Sap, Shopping Park SumaUma, Instituto Sabin e World Animal Protection. Também são parceiros o Governo do Estado do Amazonas, por meio das Secretarias de Estado de Meio Ambiente (Sema) e de Cultura (SEC) e, ainda, a Prefeitura de Manaus, através da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas).