Webinar ‘Ambiente e Saúde’ debate como meio ambiente afeta a saúde humana : FAS Amazônia
05/07/2021
Notícias

Webinar ‘Ambiente e Saúde’ debate como meio ambiente afeta a saúde humana


A Fundação Amazônia Sustentável (FAS) promoverá o webinar ‘Ambiente e Saúde: A saúde do ambiente e das pessoas’, com o objetivo de destacar a correlação entre conservação ambiental e saúde humana, no dia 5 de julho, 16h, com transmissão através do canal TV FAS Amazônia no Youtube.

O evento digital vai debater como desmatamento, queimadas, poluição das águas e outros temas têm impactado a saúde de populações tradicionais da Amazônia. “A saúde humana e a saúde do meio ambiente estão cada vez mais conectadas e o tema do webinar quer trazer isso”,  ressalta o coordenador do Programa Saúde na Floresta (PSF) da FAS, Luiz Castro.

“Fenômenos ambientais como aquecimento global, dinâmica dos rios, cheias e oscilações climáticas interferem na saúde, causando diarreias, tifo, hepatite e doenças respiratórias. Sem contar a questão das contaminações por mercúrio do garimpo ilegal, a poluição, o saneamento, entre outros”, enumera. O intuito é despertar a atenção da sociedade para políticas públicas de saúde e meio ambiente.

A programação começa às 16h, com as participações do superintendente geral da FAS, Virgilio Viana; da diretora médica do programa global Aids Healthcare Foundation (AHF), doutora Adele Benzaken; e do doutor nas áreas de Ciências Agrárias e Ciências Ambientais, professor Neliton Marques.

 

Saúde na Floresta

O Programa Saúde na Floresta, da FAS,  visa cuidar da saúde das pessoas que cuidam da Amazônia, de forma a atender às necessidades regionais e aprimorar as políticas públicas de saúde em populações tradicionais e povos indígenas do Amazonas. São cinco eixos principais de ação: telessaúde, transporte, pesquisa em saúde, capacitação e primeira infância ribeirinha.

As estratégias do programa levam em conta procedimentos de segurança, higiene e qualificação do acesso aos serviços essenciais de saúde, com foco na melhoria dos modos de vida das pessoas, principalmente aquelas localizadas em áreas remotas.