Alunos ribeirinhos estão em Manaus para troca de experiências sobre educação no interior - FAS - Fundação Amazônia Sustentável

Alunos ribeirinhos estão em Manaus para troca de experiências sobre educação no interior

Alunos ribeirinhos estão em Manaus para troca de experiências sobre educação no interior
setembro 14, 2015 forner

Alunos ribeirinhos estão em Manaus para troca de experiências sobre educação no interior

14/09/2015

Foi aberta na manhã desta segunda-feira (14) o IV Intercâmbio de Saberes, o encontro de alunos dos NUcleos de Conservação e Sustentabilidade (NCSs) da Fundação Amazonas Sustentável (FAS). A iniciativa tem por objetivo reunir em Manaus 40 professores estudantes de comunidades ribeirinhas, para uma troca de experiências sobre educação no Amazonas, em roteiro que inclui visitas, seminários e palestras.
Participam do evento estudantes das Reservas de Desenvolvimento Sustentável (RDSs) do Juma, Uatumã, Rio Negro e Mamirauá, além da Área de Proteção Ambiental (APA) do Rio Negro. O Intercâmbio de Saberes visa fortalecer o protagonismo juvenil, por meio do engajamento em torno da conservação ambiental e da melhoria da qualidade de vida nas comunidades e reservas em que eles vivem.
A cada ano (edição) é definido um tema que estimule a reflexão sobre a realidade em que estão inseridos. Os alunos com melhor desempenho na avaliação desses trabalhos são selecionados para participar de uma viagem de intercâmbio com alunos das outras UCs e de escolas e universidades de Manaus. Os encontros têm duração de uma semana e acontecem em Manaus. O Projeto é fruto de uma parceria entre a Secretaria de Estado da Educação do Amazonas (Seduc) e o Programa de Educação e SaUde (PES) da FAS.
Programa de Educação e SaUde
O PES promove atividades voltadas à ampliação e qualificação da oferta de serviços de saUde e educação para as comunidades ribeirinhas, em parceria com a Samsung e o Banco Bradesco. O programa tem como estrutura de referência nas Unidades de Conservação (UCs), os NUcleos de Conservação e Sustentabilidade (NCSs), que abrigam escolas de Ensino Fundamental II e Médio. E, a partir dos NUcleos, são desenvolvidas atividades de apoio às escolas das séries iniciais do Ensino Fundamental nas RDSs, bem como ações de qualificação profissional básica para as comunidades. O programa também desenvolve ações voltadas a primeira Infância (0 a 6 anos), por meio do Projeto Primeira Infância Ribeirinha.

EnglishFrenchPortugueseSpanish