Escola de Verão da FAS é lançada reunindo alunos de oito países : FAS Amazônia
21/07/2014
Outros

Escola de Verão da FAS é lançada reunindo alunos de oito países


Teve início hoje (21), em Manaus, o Amazon Summer School (Escola de Verão da FAS, em inglês), que reUne 13 estudantes de oito países para uma experiência em sustentabilidade no meio da Amazônia. Uma iniciativa da Fundação Amazonas Sustentável (FAS), a escola realizará entre os dias 21 de julho e 06 de agosto oficinas, palestras e visitas a comunidades ribeirinhas da Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) Rio Negro, em uma experiência pioneira para alunos de fora do país no Estado.
O lançamento oficial ocorreu na FAS e contou com a presença dos superintendentes técnico-científico, administrativo e geral da instituição, Eduardo Taveira, Luiz Villares e Virgílio Viana respectivamente.
A Amazon Summer School propõe uma abordagem holística à sustentabilidade, cobrindo temas como a integração à sustentabilidade na cadeia de valor das organizações, o potencial da região e da necessidade das comunidades, e abordando ainda metodologias para a neutralização de emissões de CO2. Para debater os temas, a Escola contará com palestrantes convidados como o chief financial officer do Grupo Bemol, Denis Minev, e do presidente do Conselho de Ã?tica do Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável, Paulo Sirgado.
“Esse projeto é um ingrediente a mais nessa busca de gerar soluções para o desenvolvimento sustentável que devem surgir da combinação do saber tradicional caboclo ribeirinho com a ciência e a tecnologia mais avançada que dispomos no Brasil e no mundo”, explica Virgílio.
Participam da iniciativa alunos dos Estados Unidos, Portugal, Irlanda, Ãndia, Argentina, Guatemala, Brasil e Bolívia, com participantes diversos entre 18 e 55 anos, das áreas de Direito, Engenharia Ambiental, Educação, Ciência Política, Biologia e Economia.
“A expectativa é ter um ambiente rico, multicultural e multitalento em que a troca e a assimilação de conhecimento sobre sustentabilidade na Amazônia seja uma experiência Unica na formação profissional e pessoal de cada participante que futuramente se traduza em ação”, explica a coordenadora de Pesquisa e Projetos Internacionais, Suelen Marostica, que também está responsável pelo Amazon Summer School.
O programa é dividido em quatro módulos: â??Amor à naturezaâ??, â??Preocupação com as pessoasâ??, â??Saber-Comoâ?? e â??Coragemâ??. Também estão previstos especialistas nacionais em diversos temas, como pesquisadores do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa), e também comunitários que vivem na RDS Rio Negro. Do dia 21 a 24 eles estarão em Manaus participando de palestras e conhecendo os principais pontos turísticos da Capital como o Teatro Amazonas, Encontro das águas, Bosque da Ciência, etc. A partir do dia 25, as atividades acontecem na comunidade Tumbira, RDS Rio Negro,  aprendendo sustentabilidade com a vida ribeirinha.  
A ideia é também possibilitar que alguns participantes se tornem voluntários para a FAS em áreas de interesse das comunidades locais, que podem dividir seus conhecimentos, como por exemplo, em aulas de natação, no apoio para a construção de pousadas e centros comunitários, etc.