FAS leva o Programa Bolsa Floresta para plataforma de soluções sustentáveis da ONU - FAS Amazônia : FAS Amazônia
02/07/2013
Outros

FAS leva o Programa Bolsa Floresta para plataforma de soluções sustentáveis da ONU


A Fundação Amazonas Sustentável (FAS) é uma das instituições do Brasil que integra a Rede de Soluções para o Desenvolvimento Sustentável (SDSN), da Organização das Nações Unidas (ONU). A FAS se une a instituições do mundo todo para divulgar e desenvolver soluções sustentáveis, que podem contribuir para melhoria de qualidade de vida no  do Planeta. Desde 2007, a Fundação coordena o Programa Bolsa Floresta (PBF), um dos maiores programas de Pagamentos por Serviços Ambientais (SPA) do mundo e que beneficia cerca de 37 mil pessoas nas reservas estaduais do Amazonas.

A SDSN foi lançada pelo secretário geral da ONU,  Ban Ki-Moon, e liderada pelo professor Jeffrey Sachs, da Universidade de Columbia, como resultado imediato da Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, em 2012, a Rio+20. A Rede procura mobilizar especialistas e iniciativas da sociedade civil, setor pUblico e privado, em apoio ao desenvolvimento sustentável em escalas local, nacional e global.

O superintendente geral da FAS, Virgílio Viana, participa desta rede como co-presidente do grupo “Forests, Ocean, Biodiversity and Ecosystem Services” (Florestas, Oceanos, Biodiversidade e Serviços Ambientais). Estruturada em mais outros 11 grupos temáticos, a rede identificará soluções e práticas voltadas ao desenvolvimento sustentável e apresentará resultados na assembleia geral da ONU em setembro de 2013.

“Foram chamados líderes do mundo inteiro, mais da área acadêmica e institucional para ajudar, subsidiar. Uma das pessoas está relacionada aos oceanos, outra com biodiversidade, outra com agricultura, e Ban Ki-Moon me chamou para fazer a coordenação dos assuntos de floresta. Isso é uma honra”, comenta Virgílio.

Desafios

O primeiro desafio da Rede é formular indicadores e metas globais de sustentabilidade. Esses dados integrarão os novos objetivos do milênio que terão vigência de 15 anos (2015-2030). 

Um relatório divulgado no Ultimo dia 24 de junho estabelece uma agenda de ações para apoiar os esforços globais para alcançar as metas. Intitulado “Uma Agenda de Ação para o Desenvolvimento Sustentável” descreve 10 prioridades de desenvolvimento abrangendo as quatro principais dimensões do desenvolvimento: crescimento econômico e o fim da pobreza, inclusão social, sustentabilidade ambiental e boa governança.

Clique para acessar o documento em Português!

Trabalho no Amazonas

A Fundação Amazonas Sustentável (FAS) é uma instituição privada, sem fins lucrativos e apartidária. A FAS gerencia o Programa Bolsa Floresta (PBF), que beneficia cerca de 37 mil pessoas, em 15 Unidades de Conservação (UCs) do Estado. Com quatro componentes (Renda, Social, Associação e Familiar), o PBF atua para o fortalecimento comunitário, a geração de renda sustentável, a melhoria de qualidade de vida, além de ações pioneiras de educação e saUde em comunidades ribeirinhas.