FAS realiza I Prêmio Comunidade Agroflorestal - FAS Amazônia : FAS Amazônia
20/04/2011
Outros

FAS realiza I Prêmio Comunidade Agroflorestal


A Fundação Amazonas Sustentável (FAS) lançou, no dia 11 de abril, o I Prêmio Comunidade Agroflorestal. A premiação objetiva promover e incentivar o plantio de espécies frutíferas e florestais por moradores das comunidades localizadas na Reserva de Desenvolvimento Sustentável do Rio Negro e na Reserva de Desenvolvimento Sustentável do Juma.

Para o Superintendente Técnico-Científico da FAS, João Tezza Neto, “a agricultura familiar dos ribeirinhos pode evoluir muito em termos de eficiência e produtividade. Os sistemas agroflorestais, bem conduzidos, são fundamentais para melhorar a qualidade de vida da população diminuindo a pressão por desmatamento”.

Prêmio SAFs (Acervo FAS)

Prêmio é um incentivo ao plantio de espécies frutíferas e florestais nas comunidades ribeirinhas (Acervo FAS)

Já  Michell Blind, Coordenador de Produção Agroflorestal da FAS, explica que “o plantio das espécies frutíferas e florestais pelos moradores e comunidades das Unidades de Conservação tem como objetivos primordiais promover a melhoria da alimentação de crianças, jovens e adultos, baseada no consumo de frutas, e também diversificar a produção agroflorestal dos agricultores, impulsionando o uso sustentável do solo, além de diminuir os impactos negativos da agricultura convencional”.

Para a seleção, serão consideradas válidas as mudas de espécies frutífera e florestal, que estejam vivas até a data de encerramento da inscrição. Elas deverão ser plantadas até o fim do mês de setembro e as de cultura agrícola, como hortaliças e legumes, não serão contabilizadas pela comissão organizadora. 

Prêmio SAFs (foto Michell Blind)

Comunidades terão que comprovar maior média de mudas vivas (Crédito: Michell Blind)

 

A comunidade inscrita concorrerá apenas contra aquelas inseridas dentro da sua respectiva Unidade de Conservação, ou seja, uma em cada Reserva de Desenvolvimento Sustentável. Assim, as duas selecionadas, que comprovarem a maior média de mudas vivas, receberão tintas e os materiais necessários para a pintura das casas, sede social, igreja e demais dependências comunitárias e familiares.  A pintura desses locais será de responsabilidade de cada morador e liderança.

 

A inscrição é gratuita e acontecerá até o dia 30 de outubro devendo ser realizada com os Gestores dos Núcleos de Conservação e Sustentabilidade, técnicos da FAS e na própria Fundação situada na rua Álvaro Braga, 351, bairro Parque 10. O resultado está previsto para o dia 7 de novembro. O edital completo pode ser baixado no site da FAS: fas-amazonia.org.

Baixe o edital completo aqui:

Edital 01

Retificação do Edital