Feira da FAS realiza pesquisa visando retomada econômica : FAS Amazônia
24/08/2021
Notícias

Feira da FAS realiza pesquisa visando retomada econômica


Depois de inúmeras mudanças econômicas e comportamentais por conta da pandemia da Covid-19, o momento agora é de retomada econômica, ainda que de forma gradual. A Feira da Fundação Amazônia Sustentável (FAS) é um dos exemplos de atividade que precisou de reformulação e que planeja seu retorno ao formato presencial. Para estruturar a retomada, a instituição está promovendo uma pesquisa com a população por meio do formulário https://abre.ai/c94s.

 Antes da pandemia, a Feira da FAS acontecia uma vez por mês na sede da instituição, com a participação de mais de 100 empreendedores e a realização de apresentações musicais, exposições, capacitações, entre outros serviços. Com as mudanças impostas pela pandemia, a FAS apoiou os empreendedores com a criação de um catálogo virtual para venda dos produtos, além de incentivar a divulgação nos meios de comunicação e redes sociais.

Atualmente, com o processo de retomada dos negócios, há uma estruturação para a volta ao formato presencial da Feira da FAS e, para isso, a instituição quer saber a opinião da comunidade local para que o retorno aconteça da melhor maneira para todos. A pesquisa é aberta a todos, seja empreendedores participantes da feira ou público visitante do evento.

Na pesquisa, as pessoas deverão responder perguntas como: Visando respeitar o distanciamento social, você iria presencialmente a Feira da FAS com hora marcada?; Se a entrada na Feira da FAS fosse vinculada a vacinação, você iria?; O que não pode faltar no retorno da Feira da FAS presencial?, entre outras.

A Coordenadora da Agenda Cidades Sustentáveis da FAS, Cristine Rescarolli, ressalta como a realização da feira impacta positivamente os donos de negócios e o público frequentador. “A Feira da FAS traz geração de renda para pequenos empreendedores, além de cultura, arte, bem-estar, comidas típicas e alegria a todos que visitam. No ano passado, precisamos suspender o evento presencial e verificamos no formato virtual uma forma de seguir sempre apoiando os empreendedores. Agora, com a vacinação avançando, podemos pensar no retorno presencial e isso nos deixa muito realizados, pois sabemos que com os devidos cuidados, poderemos trazer de volta a alegria ao público manauara”, afirma.

Cristine destaca ainda que os negócios presentes na Feira da FAS são alinhados com os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, os ODS indicados pela Organização das Nações Unidas (ONU). São iniciativas pensadas para reduzir desigualdades sociais, ampliar formas de sustentabilidade e transformar cidades, entre outros.

Caso a pesquisa aponte para o retorno presencial da Feira da FAS, a instituição seguirá a recomendação do Governo do Amazonas que exige a apresentação da carteira de vacinação, com pelo menos a primeira dose da imunização, e o público até 75% da capacidade do espaço.

Sobre a Feira da FAS

Desde 2018, a FAS (Fundação Amazônia Sustentável) realizava em sua sede, em Manaus, a Feira da FAS, evento mensal que fomentava a economia verde/criativa e que reunia empreendedores de diversos segmentos.

Além disso, a feirinha tinha uma programação musical que valorizava artistas e bandas do cenário local, além do Espaço Bem-Estar com massagem, yoga e meditação. Também eram realizadas, de forma gratuita durante a Feira da FAS, exposições, capacitações em diversas áreas, aulas de dança, oficinas de robótica e de pequenos reparos em bikes, palestras sobre educação ambiental e empreendedorismo, atividades educativas para crianças, rodas de conversa sobre temas relacionados à sustentabilidade e campanhas de doações.

Feira da FAS virtual

Desde março de 2020, o Amazonas vem sendo afetado pela pandemia do coronavírus, o que gerou grandes crises no setor econômico. Por isso, a FAS vem pensando em alternativas para continuar impulsionando negócios, com a proposta de construir um mundo mais solidário, sustentável e inclusivo.

Qualquer dúvida ou sugestão, pode ser enviada para feiradaFAS@gmail.com ou pelo telefone: (92) 4009-8900.