Fundação Amazonas Sustentável submete metodologia de desmatamento evitado para consulta pública : FAS Amazônia
27/01/2009
Outros

Fundação Amazonas Sustentável submete metodologia de desmatamento evitado para consulta pública


Uma nova metodologia de quantificação da redução de emissão de carbono por desmatamento evitado (REDD) foi apresentada pela Fundação Amazonas Sustentável (FAS), desenvolvida através de uma parceria  com o Dr. Lucio Pedroni e o Instituto de Conservação e Desenvolvimento Sustentável do Amazonas (Idesam),  e  contou com o apoio da Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (SDS), do Centro Estadual de Unidades de Conservação (CEUC) e do Centro Estadual de Mudanças Climáticas (CECLIMA). A metodologia foi utilizada como referência pela primeira vez no Projeto de Redução de Emissão de Gases de Efeito Estufa Provenientes do Desmatamento na RDS do Juma, validado com “status Gold” em setembro de 2008, pela empresa alemã TÜV-SÜD sob o padrão internacional da CCBA (Aliança Clima, Comunidade e Biodiversidade).
A metodologia define como as atividades associadas ao desmatamento evitado e que geram a redução de emissão de gases de efeito estufa podem ser calculadas, monitoradas e verificadas segundo as diretrizes mais rigorosas do VCS AFOLU (Diretrizes para Agricultura, Florestas e Outros Usos do Solo, do Voluntary Carbon Startandard).
Segundo o Diretor Geral da FAS prof. Virgílio Viana, “estamos dando mais um passo para tornar realidade o desafio criado em 2003 no Amazonas: a floresta vale mais em pé do que derrubada”.
A metodologia está à disposição para download e será posteriormente submetida para validação junto ao VCS (Voluntary Carbon Standard). Comentários são bem vindos e devem ser enviados para Gabriel Ribenboim (gabriel.ribenboim@fas-amazonas.org).