Lideranças avaliam o avanço do Bolsa Floresta em Manaus - FAS Amazônia : FAS Amazônia
07/06/2013
Outros

Lideranças avaliam o avanço do Bolsa Floresta em Manaus


Hoje, dia 07, 41 líderes de associações comunitárias de 15 Unidades de Conservação (UCs) atendidas pelo Programa Bolsa Floresta (PBF) estão reunidas, em Manaus, por meio de uma iniciativa da Fundação Amazonas Sustentável (FAS), no X Encontro de Lideranças. O evento ocorrerá até o dia 12 de junho, na Inspetoria Laura Vicuña, Av. André AraUjo, 2230, Aleixo.

O Encontro funciona como um espaço de debate, encaminhamento para a evolução e amadurecimento das associações. Em média, ele acontece duas vezes ao ano, quando são avaliados os avanços do Bolsa Floresta e se debatem as melhorias necessárias, visando o aperfeiçoamento contínuo do programa.

O Presidente do Conselho Nacional dos Seringueiros (CNS), Manoel Cunha e a coordenadora do Centro Estadual de Unidades de Conservação (Ceuc),Terezinha Fraxe estiveram presentes no Encontro.

Serão seis dias de capacitação alternados de atividades teóricas e práticas sobre a elaboração de projetos, palestra do manejo de jacarés, além da abordagem acerca das políticas pUblicas federais, estaduais e municipais para a melhoria da qualidade de vidas nas UCs. 

Participam das atividades a coordenadora de Projetos do Bolsa Floresta, Michelle Costa, os coordenadores do Programa de Educação e SaUde da FAS, Leandro Pinheiro, e Projetos Especiais, Victor Salviati. Victor veio a Manaus com apoio da TAM Linhas Aéreas.

“A ênfase na elaboração de projetos visa captar recursos financeiros fortalecendo a gestão das associações e atividades de geração de renda nas UCs”, explica a coordenadora geral do PBF, Valcléia Solidade.

No domingo, dia 9, as lideranças visitaram a exposição itinerante Pioneiros & Empreendedores: A Saga do Desenvolvimento no Brasil, idealizada pelo professor Jacques Marcovitch, da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo, (USP), no Centro Cultural Palácio da Justiça, em Manaus.

A mostra, que conta com o apoio do Ministério da Cultura por meio da Lei Rouanet permanecerá aberta ao pUblico até o dia 4 de agosto sempre de terça a sábado, das 10h às 17h, e aos domingos, das 17h às 21h.