Primeira Infância Ribeirinha leva atenção básica para crianças da RDS Uatumã : FAS Amazônia
06/10/2016
Outros

Primeira Infância Ribeirinha leva atenção básica para crianças da RDS Uatumã


Nos lugares onde o barco é o principal meio de transporte, é preciso empoderar os agentes locais como promotores diários de atenção básica de saUde. Com esse desafio, o Programa Primeira Infância Ribeirinha (PIR) tem levado formações para agentes de saUde moradores de comunidades ribeirinhas de várias Unidades de Conservação (UCs) do Estado, estimulando o acompanhamento do desenvolvimento infantil desde a gestação, até os seis anos de idade de famílias dessas localidades.

Entre os dias 25 e 28 de setembro, foram realizadas atividades na Reserva de Desenvolvimento (RDS) do Uatumã, envolvendo 12 agentes comunitários de saUde da reserva, e quatro moradores, ouvintes espontâneos da iniciativa. A iniciativa foi realizada em parceria com o Programa de Desenvolvimento Integral da Criança e Adolescente Ribeirinha da Amazônia (Dicara), da Fundação Amazonas Sustentável (FAS).

A formação dos agentes tem como principal foco desenvolver habilidades dos profissionais para trabalhar as dimensões intelectual e motora das crianças. Para isso, o PIR utiliza o teatro, a dança e atividades lUdicas que induzam mudanças positivas na abordagem dos agentes, e estimulem melhorias no comportamento e na vida dos familiares e cuidadores atendidos pelo projeto. Por meio da iniciativa, os próprios ribeirinhos são estimulados a desenvolver brinquedos na própria comunidade.

“Um dos desafios do PIR é mostrar aos agentes e cuidadores a importância do ato de brincar para o desenvolvimento físico, afetivo e intelectual das crianças. Ã? por meio da brincadeira que os próprios agentes se desinibem na abordagem das famílias, resgatam a autoestima e impactam o dia a dia das famílias e dos cuidadores de crianças”, explica a coordenadora do Primeira Infância Ribeirinha (PIR), Rhamilly Amud.

A metodologia do projeto visa empoderar os agentes comunitários de saUde com o guia de visitação desenvolvimento infantil elaborado especialmente para a realidade amazônica: são 93 visitas sistematizadas que levam informações importantes de saUde, educação e assistência social.

Na RDS Uatumã, a expectativa é beneficiar 357 famílias da zona rural de Presidente Figueiredo, Itapiranga e São Sebastião do Uatumã, em parceria com a Fundação Bernard Van Leer, Bradesco, Samsung, Johnson & Johnson, Edenred, EMS, Secretaria de Estado de SaUde (Susam), além de contar com a parceria do PIM e fazer parte da Rede Nacional de Primeira Infância.

Sobre o Primeira Infância Ribeirinha

O PIR visa a promoção do desenvolvimento integral da criança, desde a gestação até os seis anos de idade, por meio da integração das Políticas PUblicas desenvolvidas no âmbito da saUde, educação e assistência social do estado e dos municípios. A iniciativa serviu de inspiração para a criação do Primeira Infância Amazonense, política pUblica instituída pelo Governo do Amazonas.