Projeto Empreendedorismo Ribeirinho chega à RDS Mamirauá - FAS Amazônia : FAS Amazônia
23/09/2014
Outros

Projeto Empreendedorismo Ribeirinho chega à RDS Mamirauá


A Fundação Amazonas Sustentável (FAS) e o Serviço de Apoio à Micro e Pequena Empresa do Amazonas (Sebrae-AM) estiveram entre os dias 10 e 17 de setembro na Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) Mamirauá, para realizar oficinas de diagnóstico das cadeias produtivas existentes na região do Médio Solimões. A atividade é o ponto de partida do Projeto Empreendedorismo Ribeirinho, e tem a finalidade de identificar as principais necessidades de capacitação das Unidades de Conservação (UCs) pelo Programa Bolsa Floresta (PBF). Participaram da iniciativa cerca de 200 empreendedores, de 80 comunidades.
A missão percorreu os municípios de Tefé, Alvarães, Fonte Boa e Uarini, abrangendo todos os 14 setores que dividem da reserva. Foram realizadas oficinas dia 11, na comunidade Coadi, no setor Liberdade, na comunidade Batalha de Baixo, no setor Guedes, chegando no dia 15 na comunidade Capote, no setor Solimões do Meio.
“A RDS Mamirauá é muito grande, e por consequência, tem um leque muito amplo de atividades produtivas. As atividades variam desde o manejo do pirarucu, até o artesanato e agricultura familiar. Ouvindo os comunitários, trabalharemos para encontrar o perfil de orientação adequada  à região”, enfatizou o supervisor de empreendedorismo da FAS, Wildney Mourão.
Após a etapa de diagnóstico, serão iniciadas uma sequência de ações de empreendedorismo, como instrutorias e consultorias, em um projeto que se estenderá até dezembro de 2016 e que busca o fortalecimento das atividades econômicas já desenvolvidas pelo componente Renda do Bolsa Floresta.
Para a analista do Sebrae-AM responsável pelo projeto, Maria de Jesus Vieira, a chegada do serviço nas comunidades é um marco para os ribeirinhos.
“Para o Sebrae-AM é muito importante, pois somos especialistas em pequenos negócios, independentemente de onde eles estejam. Pudemos sentir um pouco do acolhimento do ribeirinho e o entusiasmo com o projeto”, enfatizou.

Parceria FAS e Sebrae

FAS e Sebrae-AM iniciaram parceria, em 2014, que visa promover o empreendedorismo por meio do fortalecimento das cadeias produtivas em UCs de uso sustentável do Amazonas, onde o Bolsa Floresta é implementado. A expectativa é beneficiar 1.040 empreendedores comunitários potenciais envolvidos nas cadeias produtivas prioritárias e indiretamente 5.255 pessoas.  Serão atendidas 406 comunidades, em ação que percorrerá 20 municípios.